Cipriano Cassamá eleito presidente da União Parlamentar Africana

cipriano-cassamaCipriano Cassamá é o novo presidente da Comissão Executiva da União Parlamentar Africana (UPA), eleito na 39.ª Conferência e que coincidiu com a 69.ª Sessão do Comité Executivo da organização. O evento decorreu na cidade marroquina de Rabat, entre 5 e 9 de novembro.

Uma nota de imprensa do gabinete do Presidente da Assembleia Nacional Popular dá conta de que Cassamá tinha a concorrência dos seus homólogos de Marrocos, Namíbia e Benim. Todos acabariam por desistir a favor do líder do parlamento guineense após uma “intensa diplomacia parlamentar” por ele protagonizada.

O mesmo documento revela que a candidatura do Presidente da ANP foi apresentada pelo seu homólogo da Argélia, através de uma curta intervenção, a qual foi “acolhida e aprovada de imediato” pelos presentes no encontro.

Quando foi convidado a apresentar as linhas mestras da sua candidatura, Cipriano Cassamá, além dos habituais agradecimentos da praxe, fixou um conjunto de metas a atingir caso fosse eleito para o cargo, onde se destacava, entre outras: consolidar e ampliar o quadro orçamental da UPA; alargar o leque dos membros, envidando esforços para que mais parlamentos africanos adiram à organização; alargar o quadro de parceria com outras organizações, dentro e fora do continente; levar a UPA a outros foros mundiais e sub-regionais, nomeadamente a ONU, a União Africana, União Europeia, para que seja declarada como uma parceira incontornável; fazer com que a UPA seja reconhecida e incluída na lista das organizações observadoras das eleições.

A nota de imprensa informa também que a eleição da ANP à presidência executiva da UPA foi feita por aclamação.

Os parlamentos do Reino de Marrocos e dos Camarões foram eleitos, respetivamente, para os cargos de primeiro e segundo vice-presidentes, tendo o Presidente do parlamento de Djibuti sido reconduzido no cargo de relator.

Ibraima Sori Baldé

Print Friendly
Siga nos nas redes socias:
partilhar isso?

Deixar uma resposta

Todos direitos reservado JORNAL NOPINTCHA 2016