CEDEAO anuncia início de diligências para aplicação de sanções contra incumpridores

Em comunicado à imprensa à que ANG teve hoje acesso, a missão da organização que esteve durante dois dias a avaliar a aplicação do Acordo supracitado, diz que terminado o prazo de 30 dias concedidos pelos líderes da CEDEAO aos actores políticos guineenses para encontrarem uma solução para a crise política não se registou nenhum progresso.

No documento, a missão da CEDEAO confirmou que os actores políticos da Guiné-Bissau não evidenciaram esforços para a implementação das resoluções da Cimeira de Abuja.

No entanto, a missão da CEDEAO aconselha aos actores politicos envolvidos à privilegiarem o diálogo e a colocar a unidade nacional acima dos interesses políticos, de modo a resolver definitivamente o actual impasse.

A missao da CEDEAO integrava o Ministro dos Negócios Estrangeiros do Togo, Robert Dussey, e o ministro de Estado e Secretário Geral da Presidência da Guiné Conacri, Naby Youssouf Kiridi Bangoura.

ANG/AALS/ÂC/JAM/SG

Print Friendly
Siga nos nas redes socias:

Seu comentario Aqui!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Todos direitos reservado JORNAL NOPINTCHA 2016